Corpus Christi em São Miguel Paulista

2017 06 CorpusChristi 4

Com o tema “Na Eucaristia o Senhor constitui-nos um só rebanho e um só pastor” a Diocese de São Miguel Paulista celebrou festivamente, no dia 15 de junho de 2017, às 15h00, na Praça Pe. Aleixo, a solenidade de Corpus Christi. Com a praça tomada pelo povo que veio das diversas paróquias, a celebração foi presidida pelo bispo diocesano, Dom Manuel Parrado Carral tendo como concelebrantes nosso Bispo Emérito e um grande número de padres. Após a celebração eucarístima foi realizada a procissão do Santíssimo Sacramento pelas ruas do centro de São Miguel Paulista encerrando com a bênção do Santíssimo Sacramento.

2017 06 CorpusChristi 2

Em sua homilia Dom Manuel destacou o sentido desta solenidade e refletiu sobre as três leituras proposta para esta liturgia. Lembrou que comungar o Corpo de Cristo significa aceitar identificar-se com Ele. É estar disposto a oferecer-Lhe a nossa pessoa para que Ele possa continuar a viver, a sofrer, a doar-se e a ressuscitar em nós. Por isso o apóstolo Paulo insiste em dizer que, antes de comer deste Pão, o cristão deve examinar o próprio coração e verificar se está realmente disposto a deixar que a vida de Jesus transpareça em sua vida.

2017 06 CorpusChristi 3

2017 06 CorpusChristi 1

Diocese promove 20º encontro de crismandos com o Bispo

2017 05 pentesostes

No dia 04 de junho, na solenidade de Pentecostes, com a Catedral tomada pelas jovens e adultos que se preparam para o sacramento da Crisma em nossas comunidades paroquiais, a Diocese de São Miguel Paulista realizou, às 15h00, o 20º encontro dos crismandos com o Bispo Diocesano.

2017 05 pentesostes3

2017 05 pentesostes4

A preparação e realização do evento esteve a cargo da coordenação diocesana de catequese tendo à frente o Pe. Vicente Frizullo, que animou os momentos celebrativos do encontro. Introduzida a celebração o bispo foi saudado por um jovem que se prepara para a crisma que afirmou: “Com os dons do Espírito Santo que receberemos pelas vossas mãos, queremos nos comprometer no crescimento da nossa fé para assumirmos a nossa missão de anunciar Jesus Cristo Ressuscitado como salvador.” Após apresentação de coreografias sobre os dons do Espírito Santo e o tema da Campanha da Fraternidade de 2017 foi introduzida a Palavra que a seguir foi proclamada.

2017 05 pentesostes2

Dom Manuel em sua homilia acolheu a todos com especial referência os catequistas que com dedicação e gratuidade anunciam e testemunham Jesus Cristo. Pediu que o Espírito Santo os ilumine e os fortaleça na missão de ajudar os crismandos a celebrarem no sacramento da confirmação, a perfeição do caráter batismal, o fortalecimento da pertença à Igreja, a integração em um comunidade de fé e a maturidade apostólica.

Pastoral Familiar celebra jubileu

2017 05 Pastoral familiar1

No dia 31 de maio, festa da Visitação de Nossa Senhora, na igreja paroquial de São João Evangelista, no setor pastoral Vila Esperança, às 20h00, Dom Manuel presidiu a Eucaristia em ação de graças pelos 25 anos de implantação da pastoral familiar na Diocese de São Miguel Paulista.

Em sua homilia, o Bispo Diocesano manifestou alegria e agradecimento a Deus pela caminhada da pastoral familiar em nossa Diocese. Refletiu sobre a mensagem das leituras da festividade. Lembrou o Papa São João Paulo II que na Exortação Apostólica Familiaris Consortio cita as palavras de Paulo VI dirigidas às famílias: “Vocês ensinam as suas crianças as orações do cristão? Acompanham a preparação de seus filhos para os sacramentos da confissão, comunhão e a confirmação? Sabem rezar com seus filhos e com toda a comunidade doméstica, ao menos de vez em quando?”

2017 05 Pastoral familiar

Finalizando, animou a todos para que as famílias, a exemplo da Sagrada Família de Nazaré, edifiquem suas vidas sobre a rocha da Palavra de Deus e assim sejam verdadeiras Igrejas Domésticas onde reina o amor, a compreensão, o perdão, a reconciliação, a aceitação das diferenças e a paz, que são frutos da ação do Espírito Santo.

Infância e Adolescência Missionária realizam 5ª jornada nacional

2017 infancia missionária

Todos os anos a Infância e Adolescência Missionária realizam no último domingo de maio uma jornada nacional para comemorar o aniversário de fundação da obra na França, em 1843. A primeira jornada nacional aconteceu em 2013 com o tema “IAM da América a serviço da missão”; a segunda jornada nacional foi celebrada em 2014 com o tema “IAM da América a serviço da missão na África”; a terceira jornada nacional foi celebrada em 2015 com o tema “IAM na América a serviço da missão na Ásia”; a quarta jornada nacional foi celebrada em 2016 com o tema “IAM do Brasil a serviço da missão na Europa”.

2017 infancia missionária1

Neste ano o tema da 5ª Jornada foi: “A IAM do Brasil a serviço da missão na Oceania”. Em nossa diocese a jornada foi realizada no sábado, dia 27 de maio, na Cidade Tiradentes, na Escola Oswaldo Aranha Bandeira de Mello com grande número de participantes. Às 11h00, Dom Manuel presidiu a Eucaristia quando refletiu sobre a importância do espírito missionário na Igreja e animou os participantes a fortalecem cada vez mais a presença da IAM em nossa Diocese que no próximo ano estará completando 25 anos de sua implantação.

A Igreja celebra os 100 anos das Aparições de Fátima

No dia 13 de maio, com a presença do Papa Francisco em Fátima, celebramos os 100 anos das aparições de Nossa Senhora em Fátima (1917-2017). Nesta ocasião o Papa Francisco canonizou os pastorinhos Jacinta e Francisco e destacou o sentido dessas aparições e os pedidos de Maria: rezar o terço, meditassem os mistérios do rosário, confessassem-se e recebessem a sagrada comunhão em reparação aos pecados cometidos contra o Imaculado Coração de Maria.

2017 ano mariano1
Em nossa Diocese as paróquias quem têm o título de Nossa Senhora de Fátima celebraram a festa com grande júbilo e participação. Dom Manuel presidiu o jubileu de Fátima em missa concelebrada na Paróquia Nossa Senhora de Fátima, na Vila Curuçá.

2017 ano mariano
Em sua homilia o Bispo Diocesano, entre outras reflexões, lembrou que os apelos da Virgem Maria há 100 anos, dirigidos a todos nós, através das três crianças: Lúcia, Francisco e Jacinta, em Fátima, são um sinal de sua maternal solicitude que continua a nos alertar e a nos exortar a ouvir e a fazer tudo o que Jesus nos pede. Entre as mensagens transmitidas por Maria em Fátima, sobressaem os apelos à fé, à oração, à penitência, a ouvir e seguir Jesus, a amar e a desagravar Deus Nosso Senhor, dando um testemunho vivo, atual e dinâmico de nossa fé no nosso dia a dia.

Para CNBB, Reforma da Previdência “escolhe o caminho da exclusão social”

2017 03 CONSEP CNBB

A Presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) divulgou, nesta quinta-feira, dia 23 de março, uma nota sobre a Reforma da Previdência. No texto, aprovado pelo Conselho Permanente da entidade, os bispos elencam alguns pontos da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/2016, considerando que a mesma “escolhe o caminho da exclusão social” e convocam os cristãos e pessoas de boa vontade “a se mobilizarem para buscar o melhor para o povo brasileiro, principalmente os mais fragilizados”.

Em entrevista coletiva à imprensa, também foram apresentadas outras duas notas. Uma sobre o foro privilegiado e outra em defesa da isenção das instituições filantrópicas. Na ocasião, a Presidência da CNBB falou das atividades e temas de discussão durante a reunião do Conselho Permanente, que teve início na terça-feira, dia 21 de março e terminou no fim da manhã desta quinta, 23 de março.

Apreensão
Na nota sobre a PEC 287, a CNBB manifesta apreensão com relação ao projeto do Poder Executivo em tramitação no Congresso Nacional. “A previdência não é uma concessão governamental ou um privilégio. Os direitos Sociais no Brasil foram conquistados com intensa participação democrática; qualquer ameaça a eles merece imediato repúdio”, salientam os bispos.

O Governo Federal argumenta que há um déficit previdenciário, justificativa questionada por entidades, parlamentares e até contestadas levando em consideração informações divulgadas por outros governamentais. Neste sentido, os bispos afirmam não ser possível “encaminhar solução de assunto tão complexo com informações inseguras, desencontradas e contraditórias”.

A entidade valorizou iniciativas que visam conhecer a real situação do sistema previdenciário brasileiro com envolvimento da sociedade.

Clique aqui para ver a íntegra da nota.

Fonte: CNBB